29 de dezembro de 2015

ROCK DE LUTO: LEMMY (MOTORHEAD)

Faleceu hoje (28) aos 70 anos o lendário baixista e cantor inglês IAN KILMISTER, o LEMMY da banda MOTORHEAD. Ele lutava contra um tipo agressivo de câncer. LEMMY será eternamente reconhecido como uma figura singular no mundo do Rock, seja pelo estilo, seja pelo vocal rouco, seja pelas bebidas, drogas e mulheres. Ele foi um soldado a serviço da música.


Sem contabilizar coletâneas e álbuns ao vivo, gravou mais de vinte discos de estúdio com o MOTORHEAD, sendo o último neste ano (Bad Magic). Também esteve a frente de outro grupo lendário nos anos 1970, o HAWKWIND. Além disso, teve vários projetos paralelos e fez dezenas de participações especiais e tributos a outras bandas. 

No MOTORHEAD, além de ter entrado para o Guinness Book como a banda mais barulhenta do mundo (recentemente ele alegava estar praticamente surdo) participou de um documentário chamado Live Fast, Die Old (assista com legendas abaixo).


TOP 10 LEMMY
Abaixo, postarei algumas faixas variadas da carreira desta (já saudosa) lenda.























Descanse em paz, LEMMY.


22 de dezembro de 2015

TOP 10: ROCK AND ROLL PARA O NATAL (4)

Estamos bem perto do Natal, aquele momento em que todos brindam a felicidade e esquecem (ao menos por uma noite) os problemas e responsabilidades. Com espumante ou sidra, com peru de termômetro ou frango assado, com rosca doce ou rabanada, não importa. O que vale é celebrar.

E para sonorizar este momento tão bonito, segue abaixo o quarto TOP 10 de Natal da história deste Blog (os outros vocês podem curtir AQUI, AQUI e AQUI). Ao todo, são 40 motivos para não ligar a TV e ter azia só de ouvir aqueles especiais de fim de ano.


















E um Feliz Natal a todos!!!


16 de dezembro de 2015

OS 30 ANOS DE UM PROJETO "PHENOMENAL"

Um dos mais belos projetos musicais surgidos nos anos 1980 comemorou 30 anos em 2015. É o PHENOMENA, criado no Reino Unido por TOM GALLEY e composto por grandes nomes do Melodic Hard Rock, Heavy Metal e AOR como GLENN HUGHES (DEEP PURPLE), RAY GILLEN (BLACK SABBATH e BADLANDS), JOHN WETTON e MICHAEL STURGIS (ASIA), DON AIREY (WHITESNAKE e RAINBOW), NEIL MURRAY (WHITESNAKE e BLACK SABBATH), COZY POWELL (WHITESNAKE e BLACK SABBATH), JOHN THOMAS (BUDGIE), MEL GALLEY (WHITESNAKE), SCOTT GORHAM (THIN LIZZY) e BRIAN MAY (QUEEN) dentre outros.


Dividirei abaixo a discografia PHENOMENA em duas partes: os três primeiros discos e os outros três trabalhos. Todos são de alto nível e proporcionais ao seu tempo, mas não há como negar que a primeira fase teve um impacto musical infinitamente maior. Fazendo uma analogia, os três primeiros discos seriam livros sagrados a formar a bíblia do Melodic Hard Rock.

O PRIMEIRO DISCO
Em 1985 o projeto estreou com o álbum Phenomena. O som é simplesmente maravilhoso. Predominam GLENN HUGHES nos vocais e COZY POWELL na bateria, com TOM GALLEY nas composições e na produção. O irmão de TOM, MEL GALLEY também aparece na guitarra. Destaco "Dance With The Devil", "Believe" e "Who's Watching You".

O SEGUNDO DISCO
Dois anos depois surgiria o melhor álbum desse projeto e mais incrível do gênero, Phenomena II: Dream Runner. Simplesmente a essência do Melodic Hard Rock. Além da presença dos irmãos GALLEY, os vocalistas GLENN HUGHES, RAY GILLEN e MAX BACON predominam nos vocais. Mas quem precisou cantar apenas uma faixa para coroar esta obra-prima foi JOHN WETTON, também conhecido como "o cara do ASIA". É dele a voz na antológica "Did It All For Love" (ouça-a e compare com a música "Heat Of The Moment"). Aliás, essas duas faixas foram exaustivamente utilizadas em comerciais dos cigarros Hollywood. Aproveitem e confiram um raríssimo playback televisivo dos caras AQUI.

A formação de Phenomena II. O disco tornou-se sinônimo do subgênero (imagens: 45cat.com)

O TERCEIRO DISCO
O álbum seguinte sairia somente em 1993, época em que o cenário musical sofreria mudanças. O line-up não teve o mesmo número de participações especiais, mas não há pecado algum nisso. O guitarrista SCOTT GORHAM, o baterista MICHAEL STURGIS e o baixista/tecladista LEIF JOHANSSON (co-produtor aqui) foram os fiéis remanescentes que participaram de todas as faixas. Quem assumiu os vocais foi KEITH MURRELL. A participação especial ficou por conta de BRIAN MAY. Phenomena III: Inner Vision não deixa NADA a desejar. Destaco "Banzai", "A Whole Lot Of Love" e "Rock My Soul". O disco marcaria o fim da primeira fase do projeto.


Em 1996 foi lançada um excelente coletânea chamada Project X 1985-1996 incluindo as inéditas "Slave" (ouçam AQUI) "Assasins Of The Night" (ouçam AQUI) e "Stealing Heaven" (ouçam AQUI).


OS OUTROS TRÊS DISCOS: UMA NOVA FASE
Nos discos seguintes o projeto não utilizaria o nome PHENOMENA, mas FROM TOM GALLEY THE CREATOR OF PHENOMENA. Esses lançamentos também seriam afetados por um fenômeno que ocorreu naturalmente com muitos projetos de Melodic Hard Rock. Deixariam de ser tão melódicos e tornariam-se mais metálicos.

Treze anos após Innervision, TOM retoma o projeto em 2006 com seu irmão MEL e nomes já conhecidos como GLENN HUGHES e KEITH MURRELL. Assim o PHENOMENA ressurge "metalizado" em Psycho Fantasy, mas com a qualidade de sempre. Ouçam "Touch My Life" (AQUI) "Chemical High" (AQUI) e "60 Seconds" (AQUI). No mesmo ano foi lançado o CD triplo The Complete Works contendo os três primeiros discos e quase dez faixas extras. Ouçam a faixa extra "Forever" (AQUI).


O quinto disco do projeto, Blind Faith, foi lançado em 2010 e traz participações de grandes vocalistas como TONY MARTIN e ROBIN BECK, além de uma nova safra de músicos (alguns nem tão novos como o baixista MAT SINNER). Ouçam "Blind Faith" (AQUI) "Angels Don't Cry" (AQUI) e "Don't Ever Give Your Heart Away" (AQUI).






O último disco do projeto é Awakening, lançado em 2012. Destaque para os nove vocalistas de vários períodos e níveis do Hard Rock que invadiram o álbum, dentre eles JAMES CHRISTIAN (HOUSE OF LORDS) . Ouçam "Smash It Up" (AQUI), "How Long" (AQUI) e "Fighter" (AQUI).






O FUTURO
Vários foram os boatos sobre um possível retorno do PHENOMENA desde então. O último fato relacionado oficialmente à banda foi o cancelamento de uma apresentação do projeto na edição 2014 do Sweden Rock Festival. A formação teria NEIL MURRAY e GLENN HUGHES, além de JOHN NORUM (EUROPE). Seria o primeiro show de toda a história do projeto.

O projeto ganhou uma página na rede mundial. Não se sabe quem a criou e se há relação com TOM GALLEY mas o portal (que reporta apenas a primeira fase) traz postagens bem animadoras. Uma delas seria o relançamento dos álbuns inclusive em vinil. Outra seria a previsão de um novo disco que deveria ter saído ainda em 2015. No próprio website, há um arquivo com ótimos trechos de faixas que estariam no lançamento. Uma faixa chamada "I Want To Go Home" também é creditada ao projeto (ouçam-na AQUI).


As faixas soam excelentes e remetem aos primeiros discos

Enquanto não há novidades, fiquemos no aguardo. Abaixo a discografia:

Phenomena (Bronze, 1984)
Phenomena II: Dream Runner (BMG/RCA, 1987)
Phenomena III: Inner Vision (Castle Communications, 1993)
Project X 1985-1996 (Parachute Music, 1996)
Psycho Fantasy (Escape, 2006)
The Completes Works (Escape, 2006)
Blind Faith (Escape, 2010)
Awakening (Escape, 2012)


14 de dezembro de 2015

ROQUEIRO CURITIBANO DISCOS: SUA NOVA OPÇÃO PARA DISCOS DE VINIL E RARIDADES DA BANDA KISS

Hoje escrevo sobre minha mais nova página na web: apresento a vocês a Roqueiro Curitibano Discos. Trata-se de uma nova opção em oferta de discos de vinil, compactos, maxi-singlespicture discs, itens variados da banda KISS e outros colecionáveis. O nome da página de discos é inspirado neste Blog, onde vos escrevo desde 2009.


São dezenas de raridades do Rock em vinil oriundas de coleção particular criteriosa e disponibilizadas a preços justos. Além de ofertar tais discos eventualmente em feiras de vinil que ocorrem em Curitiba, disponibilizarei os itens através de um novo Blog e de uma fan page.

Se você é colecionador ou apreciador de discos de vinil, fã de KISS e de outros grandes nomes do Rock não deixe de acompanhar minha nova página e de curtir no Facebook.

Acesse o blog: http://roqueirodiscos.blogspot.com
Curta a fan page: http://www.facebook.com/roqueirodiscos


NOVO DISCO DE DAVID BOWIE EM BREVE

No próximo dia 08 será lançado oficialmente o disco Blackstar, mais novo lançamento da lenda inglesa DAVID BOWIE. A data do lançamento é a mesma do 69º aniversário do cantor. Como a maioria dos lançamentos recentes que tenho postado aqui no Blog, este também terá a opção em vinil.

Abaixo, capa, tracklist e faixas divulgadas:


01. Blackstar
02. ’Tis A Pity She Was A Whore
03. Lazarus
04. Sue (Or In A Season Of Crime)
05. Girl Loves Me
06. Dollar Days
07. I Can’t Give Everything Away



Para encomendar o seu exemplar, clique AQUI.


8 de dezembro de 2015

VINIL DE ACERVO DE RINGO STARR BATE RECORDE MUNDIAL EM LEILÃO

Um recorde mundial foi atingido em um leilão no último sábado (06). O exemplar numerado em 0000001 do álbum The Beatles (o famoso álbum branco) foi arrematado por US$ 790.000,00 (cerca de 3 milhões de reais). A expectativa era que o disco alcançasse o valor de US$ 60.000,00. Passou e tornou-se o disco de vinil mais valorizado da história.


O disco fazia parte da coleção pessoal do beatle RINGO STARR, que doou cerca de 1.300 itens de seu acervo para a Lotus Foundation. A organização pertence ao baterista e promove projetos sociais. Dentre os itens doados por RINGO para leilão também estavam o terno usado no filme A Hard Days Night e um kit de bateria Ludwig usado em mais de 200 apresentações (arrematado por cerca de R$ 8 milhões).

O álbum ficou em um cofre por mais de 35 anos (imagens: julienslive.com)



Conhece o álbum branco dos BEATLES? Ouça-o abaixo:



4 de dezembro de 2015

ROCK DE LUTO: SCOTT WEILAND

Notícia triste que chega nesta manhã: faleceu ontem (03) aos 48 anos o excelente e performático cantor SCOTT WEILAND. Ele foi encontrado morto (estaria dormindo) no ônibus de sua banda THE WILDABOUTS. SCOTT ficou conhecido por suas marcantes presenças frente ao STONE TEMPLE PILOTS (ícone do Rock noventista) e ao supergrupo VELVET REVOLVER.Uma grande perda. 

Imagem: grammy.com
TOP 5 (+1)
Muitas vezes foram noticiados problemas do cantor com as drogas e o álcool. Infelizmente. Mas como a vida é passageira e a música é eterna, postarei abaixo meia dúzia de ótimas faixas que trazem (o já saudoso) SCOTT na linha de frente. Ei-las:







A faixa bônus do meu TOP 5 é para mostrar a versatilidade do cantor. Em 2011 ele gravou o álbum natalino The Most Wonderful Time of the Year. Remete aos clássicos das mais sofisticadas canções.


Descanse em paz, SCOTT.


3 de dezembro de 2015

FEIRA DE VINIL + LIVROS + GENTE FINA + CERVEJA = UMA BAITA OPÇÃO PARA ESTE SÁBADO



A dica é do Mestre Bira. Ele me convidou para levar discos para o evento. INFELIZMENTE não poderei fazê-lo por questões pessoais.

Quem puder, compareça. Para saber como chegar ao Hop´n Roll, clique AQUI.