22 de janeiro de 2019

ROCK DE LUTO: DEAN FORD

Faleceu no último dia 31 de dezembro o vocalista e compositor escocês DEAN FORD. Ele tinha 72 anos e sofria com complicações relacionadas ao Mal de Parkinson. A notícia foi dada pela sua filha por meio de redes sociais.

Embora seu nome não seja reconhecido pelas pessoas comuns, qualquer cidadão com mais de 50 anos e que gosta de música já ouviu sua voz. Ele é o cantor de "Reflections Of My Life", sucesso maior de sua ex-banda THE MARMALADE.


DEAN (de nome THOMAS McALEESE)  começou ainda piá com as bandas THE TONEBEATS, THE CRAVATS e DEAN FORD AND THE GAYLORDS. Mas foi com o MARMALADE que ele arrebentou a boca do balão, alcançando o topo das paradas do Reino Unido em 1969 com "Reflections...", que vendeu mais de 2 milhões de cópias, além de relativo sucesso com uma versão para "Ob La Di, Ob La Da" dos BEATLES. Depois de mudanças na formação, o MARMALADE acabou ainda nos anos 1970. 

Em 1975, DEAN lançou seu primeiro disco solo, produzido por ALAN PARSONS, que não vingou. Três anos depois, participou do disco Pyramid, de PARSONS, onde liderou os vocais na faixa "Can't Take It With You". Em 1979, fez vocais de fundo em faixa extra do disco Airwaves, do BADFINGER, onde trabalhou com o talentoso JOE TANSIN (seu grande parceiro pós MARMALADE).

Durante os anos 1980, enfrentou sérios problemas com a dependência alcoólica. Vivendo nos Estados Unidos, onde era pouco conhecido, trabalhou como motorista de Limousine para estrelas da música como MICHAEL JACKSON e BOB DYLAN. Felizmente ele se libertou da dependência do álcool.

Em 2015, DEAN lançou seu segundo disco solo chamado Feel My Heartbeat com 12 faixas, incluindo uma regravação de 2014 com JOE TANSIN para a tão famosa "Reflections...". Nesse mesmo ano, a dupla lançou o disco The Glasgow Road

Ano passado, pouco antes de sua morte, lançou o disco This Scottish Heart contendo 30 faixas


Abaixo, quatro faixas (incluindo a última versão da história para "Reflections Of My Life").







Descanse em paz, coração escocês.


P.S: este post é dedicado ao meu pai, que me influenciou a gostar de Rock, sempre ralou muito pra conseguir suas músicas preferidas e até hoje curte a música "Reflections Of My Life" com a alma.


Nenhum comentário: